ESCRAVIDÃO ESPIRITUAL ARCÔNTICA DE NOSSA ESPÉCIE - A FAZENDA DE MATRIX

post-12-21-1

Escravização Espiritual Arcôntica de Nossa Espécie – A Fazenda da Matrix


Nossos corpos não deveriam exigir sono / repouso já que estes veículos orgânicos foram projetados inicialmente para funcionar continuamente. Temos até uma função de auto serviço, onde nossos corpos se reparam. E desde que nós adquirimos o nosso “combustível” dos alimentos, nós não precisaríamos ter sono.
Então por que precisamos dele ?
A razão pela qual precisamos dormir é porque os seres humanos (as almas) se alimentam de energia, assim como todos os outros seres em nosso Multiverso (e o que nossos corpos recebem dos alimentos não é suficiente para manter as almas em movimento).
Quando os Anunnaki construíram os ternos da prisão (isto é, os corpos humanos) para nossas almas, eles nos fizeram à sua imagem, mas retiraram muitas das características originais (como a imortalidade celular, 12 fios de ADN, a capacidade de fazer crescer dentes, membros, etc.) e também acrescentaram muitos bloqueios, de modo que permanecemos inconscientes da nossa grandeza espiritual.
Nossa conexão com a Fonte tem sido bastante limitada, pelo fato de que estamos na maior parte isolados dela, raramente conseguindo esta conexão e nunca totalmente.
Durante o sono, podemos nos conectar à Fonte para nos recarregar com energia não polarizada.

Por quê eles fariam isso ? Qual é a finalidade do jogo dos Anunnaki ?

Costumávamos ser seres criadores (ainda somos fora dessa realidade da matrix), o que significa que usamos a energia pura da Fonte para manifestar.
Durante as sessões de regressão de LBL, foi dito que Michael Newton juntamente com outros seres não físicos, ajudaram a manifestar nosso planeta a partir da energia pura.
O planeta era inicialmente não físico. Ele expressou a curiosidade/desejo de experimentar a vida na Terra uma vez que ela se tornaria física, porque uma coisa é criar um planeta, outra completamente diferente é viver nele como um ser físico.
Isto combina perfeitamente com as entrevistas do Dr. Neruda, nas quais ele explica como um coletivo de espécies exóticas (ArcontesReptilianosAnunnakiSirianos e Cinzas) enganaram nossas almas para usar estes corpos humanos como veículos, para experimentar a vida física na Terra.
Porque não tínhamos nenhuma compreensão do mal e do engano naquela época, concordamos.
No início, os veículos eram excelentes e muito bem feitos, mas a cada novo lote, os Anunnaki secretamente os degradavam cada vez mais, até que perdemos quase que totalmente a conexão com nossa alma e a Fonte.
Então, já era tarde demais para nós. A prisão da matrix foi ativada e estamos presos nela desde então. Quando morremos, somos forçados a entrar em um portal de falsa luz, que nos envia para a “Estação de Reciclagem“, onde somos superficialmente curados de traumas da vida passada e depois enviados novamente para cá.

Mas por que o problema ?

Os Anunnaki, os Reptilianos e os Cinzas são todos controlados por uma força parasitária não física, que os gnósticos chamam de arcontes. Assim como todos os outros seres no nosso Multiverso, eles também se alimentam de energia, mas só que utilizam a energia negativamente polarizada.post-12-21-2
Por isto eles precisam de hospedeiros para converter a energia não polarizada da Fonte, para a energia polarizada de baixa frequência que é necessária para eles.
Mais uma vez, tudo o que existe é feito de energia e todos precisam de energia para “sobreviver” e os arcontes não são exceção.

Enganações, enganações, enganações

Os Anunnaki usaram truques e mentiras há muito tempo atrás quando se ofereceram para construir veículos humanos para nós, para podermos experimentar a vida física na Terra e o truque tem sido o seu jogo desde então.
Eles também se apresentaram a nós como deuses benevolentes que vieram à Terra para buscar ouro porque a vida em seu planeta estava supostamente morrendo sem a proteção das partículas de ouro pulverizadas na atmosfera.
Esta era mais uma artimanha, já que os Anunnaki haviam retirado ouro da Terra em seu estado atômico puro, antes mesmo da Terra se tornar sólida, eles apelaram para a nossa predisposição natural de ajudar e fazer o bem, para serem aceitos por nós mais uma vez.
De acordo com várias correlações que fiz, acredito firmemente que isso ocorreu durante os tempos da Atlântida. Os atlantes viviam principalmente em um continente no Oceano Atlântico.
Os Anunnaki perceberam que os atlantes desenvolveram técnicas de meditação que fortaleceram sua conexão com o Eu superior e até foram capazes de recuperar algumas de suas capacidades criativas da Fonte. Como os veículos humanos eram degradados e muito limitados, os atlantes encontraram uma maneira de amplificar sua força usando cristais.
No livro “Inuaki, o Reptiliano dentro de mim” (segundo volume), é mencionada a tecnologia avançada usada pelos Atlantes, bem como a possibilidade de manifestar alimentos com o uso de cristais.
Isso causou um choque em nossos controladores alienígenas, que decidiram se infiltrar e corromper as elites espirituais existentes. Encurtando uma história longa, eles foram finalmente capazes de manipular alguns deles para manifestar coisas que não precisavam e desejar coisas materialistas.
As disputas entre os Atlantes tornaram-se mais fortes e intencionalmente ou acidentalmente, um dos cristais gigantes explodiu, afundando sua ilha no Oceano Atlântico causando o fim da era Atlante.
De acordo com o mesmo livro, um dos cristais afundou no oceano com 3/4 intactos, e foi responsável pelas anomalias do “triângulo de Bermuda”. As anomalias pararam de acontecer porque a marinha dos EUA supostamente removeu o cristal quebrado do chão do Oceano e o levou para um local secreto.
Curiosamente, uma equipe de cientistas descobriu as ruínas de uma antiga cidade avançada no fundo do Oceano, no Triângulo das Bermudas. Existem estradas, pirâmides e esfinges, mas os cientistas, infelizmente, não têm o financiamento para continuar as explorações.
Os atlantes que sobreviveram se espalharam em diferentes partes da Terra, onde tentaram reconstruir sua civilização com a “ajuda” dos Anunnaki, que secretamente criaram novas versões de corpos humanos, diminuindo ainda mais suas capacidades.
Em suas experiências até misturaram o ADN existente com o dos animais e os resultados foram grotescos híbridos “humano animal” que fazem parte de nossas lendas. Então, muitas almas foram forçadas a encarnar nestas novas versões de humanos e de híbridos “humano animal”.
A experimentação continuou até que os anunnaki criaram esta versão de corpos humanos que nós chamamos de Homo Sapiens, corpos que nós usamos até hoje.
Mas desta vez eles não quiseram mais correr riscos, então também povoaram a Terra com corpos sem alma, corpos vazios que seus mestres os arcontes, podiam controlar de outra dimensão.
Esses corpos são exatamente iguais aos nossos e sem a interferência direta dos arcontes, eles continuam vivendo suas vidas como ditado pelo cérebro reptiliano: eles comem, dormem, se reproduzem, lutam… Basicamente fazem tudo ao seu alcance para sobreviver.
Muito importante notar: estes são CORPOS humanos, não SERES humanos !
Os corpos humanos não têm alma, portanto, eles não têm consciência. O que significa que eles simplesmente existem, mas nunca conseguem realmente viver como um ser humano consciente. Eles não sentem empatia, nenhum remorso, nenhum amor, etc, eles basicamente não têm nenhum conceito de bom ou ruim.post-12-21-3
Aqui está um pequeno exemplo do que significa existir não sendo realmente um ser humano consciente: Desde que eu era criança, fui guiado através de muitas experiências diferentes para que eu pudesse agora me relacionar com elas. Levei muitos anos para entender isto, mas graças a estas experiências, agora estou melhor preparado para transmitir estas mensagens.
Então aqui está uma pequena história que me ajudou a entender a diferença entre “corpos humanos” vs seres humanos:
Um dia, quando eu era um adolescente vivendo com meus pais, acordei no sofá onde eu estava falando com meus pais. Eu estava de pijama e dizia a eles que me sentia bem e que não havia necessidade de ir para o hospital.
Até hoje, não me lembro como cheguei no sofá, mas de acordo com meus pais eu acordei e fui para o banheiro, onde eles me ouviram cair. Aparentemente, eu de alguma forma escorreguei e bati a parte de trás da minha cabeça na queda, o que me fez perder a consciência. Meus pais me encontraram lá e começaram a chamar meu nome. Eu lentamente acordei e fui capaz de andar sozinho até o sofá.
Provavelmente levou cerca de cinco minutos a partir do momento em que eu caí até quando eu recuperei a consciência. Durante este tempo eu conversei com meus pais, eu andei até o sofá por conta própria e tenho certeza que eu poderia ter continuado com minha vida neste estado inconsciente indefinidamente, mas essa pessoa não teria sido eu.
Agora, por favor, compare minha experiência com todas aquelas histórias sobre as pessoas que mudaram totalmente após um acidente. Minha hipótese é de que em situações dramáticas, como acidentes, a alma fica separada do corpo, às vezes para o bem.
Um exemplo está aqui:
“No verão de 1848, um homem chamado Phineas Gage sofreu uma lesão traumática na região do lobo frontal de seu cérebro depois que uma explosão súbita enviou uma haste diretamente para a sua cabeça. Contra todas as probabilidades, Phineas sobreviveu, mas depois seu comportamento mudou dramaticamente. Antes era um homem calmo, equilibrado e sensato, Gage tornou-se um homem excessivamente emocional, desequilibrado e vulgar quando se recuperou. Amigos que ele tinha anteriormente, compararam-no a um animal e fizeram a perplexa afirmação: “Gage não era mais Gage”.
Estes “corpos humanos” são de fato, muito semelhantes aos animais, mas menos importante ainda, porque suas experiências de vida não são úteis.
Mesmo que os animais não tenham almas como nós, eles têm uma forma primitiva de consciência que existe além da morte física de seus veículos, e suas experiências são armazenadas e preservadas, enquanto que quando os corpos humanos morrem, é o fim para eles. Não existe uma consciência que sobrevive e suas experiências morrem com eles.
Eles só existem para manter a matrix em funcionamento e podem ser tomados/possuídos a qualquer momento por seus mestres arcontes. Estima-se que cerca da metade dos seres humanos são portais orgânicos, o que significa que eles não têm almas anexadas aos seus corpos. Esta é a razão pela qual temos tanta dor e sofrimento no mundo.
Eles são os que ascendem a posições de poder, porque seus mestres precisam deles lá. Eles estão sendo guiados/ajudados a ocupar o maior número possível de posições de poder, a fim de manter o status quo do sistema de controle.
Eles também são os perpetradores de ações sádicas como: assassinato, pedofiliadespovoamentogenocídio… Em seu nome. E dirigem o resto de nós, os SERES humanos.
Uma vez que os seres humanos se recarregam com energia não polarizada durante o sono, usam nós para fornecer-lhes energia polarizada.
Nós, como seres Divinos feitos de energia amorosa positiva, naturalmente a polarizaríamos positivamente, mas como nossa existência foi sequestrada e tantas pessoas estão sendo sistematicamente torturadas nesta matrix/realidade, a maioria de nós acaba polarizando a energia negativamente.
Os seres humanos precisam ser mentalmente e fisicamente atormentados tanto quanto possível, para que os mestres arcontes possam se alimentar de nossas emoções negativas. Este é o único propósito da matrix prisão.
A realidade é que a matrix é basicamente uma fazenda de energia negativa.
Felizmente, você pode aprender a escapar dessa realidade prisional veja como: Fuja da “ARMADILHA” e deixe sua alma LIVRE.
©Alexander Light
Origem: humansarefree
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼
A “Luz é Invencível” tem por norma não publicar comentários com links.
Pedimos a compreensão de todos, para qualquer dúvida temos nossa caixa de sugestões onde todos podem livremente fazer suas colocações. Agradecemos a compreensão de todos.
Equipe da “Luz é Invencível”.

Postagens mais visitadas deste blog

QUEM É O MESTRE HILARION DENTRO DA FRATERNIDADE BRANCA ?

DESCRIÇÃO ESPIRITUAL DOS CHAKRAS DO BRASIL

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE "O EVENTO" : MOVIMENTO DE RESISTÊNCIA DA LUZ